21 de Junho de 2018
Pesquisar
Alertas SMS
Subscreva o serviço gratuito
Detalhe da Notícia
De que cor é um beijinho?
BMA infantil
Alguns beijinhos depois de pintados
+ Fotos
Sentados nas grandes almofadas do espaço infantil da biblioteca, olhos postos nos beijinhos pendurados do teto e divertidos pelas brincadeiras dos mais descontraídos, depressa concentraram a atenção no que dizia a Eugénia sobre O Livro Convida à Hora do Conto + Ateliê e aquele canto especial.

Nestas turmas do ensino básico quase todos faziam a sua primeira visita à Biblioteca Municipal de Alenquer (BMA). Vieram ouvir uma história e conhecer os livros, os CD e DVD, os jogos e atividades disponíveis. Alguma surpresa foi aparente quando se falou no empréstimo das coisas que veriam mais tarde, lido De que cor é um beijinho?, o livro das sessões de janeiro. Como não há idade para gostar de ficção, toda a gente, pequena ou grande, pode inscrever-se na BMA e ficar com um cartão de leitor. Livros e filmes podem levar-se para casa, “os meninos lêem, estimam e depois devolvem para os amigos usarem”.

Feita a introdução, a Sandra mostra o livro e começa a contar a história que tem dentro – que é até mais uma viagem ao universo imagético de cada um dos participantes, com as paragens a coincidir com as perguntas que Rocio Bonilla põe na boca de Mónica, a personagem principal. A participação vai ganhando em número de vozes e em decibéis a cada minuto. De nãos e sins muito suaves a nãos e sins e talvez e ideias mirabolantes cheios de expressividade e de segurança.

Mas… de que cor é um beijinho, afinal? Eugénia e Sandra encaminham as crianças para a zona do ateliê. Distribuem beijinhos de papel, canetas e lápis. Pintar um beijinho para alguém especial é a sugestão do mês. Depressa se acabam os espaços em branco. É preciso um afia, uma opinião, há uma dúvida a esclarecer – a atitude é séria: aqueles meninos estão a trabalhar. Há beijinhos para a mãe, para o pai, para ambos, para manos e manas (uma delas com uma semana de vida). Há beijinhos de todas as cores, com desenhos, com riscos e bolinhas.

“Por que é que está ali um brinquedo?” Pois. A área infantil da BMA é assim: mesmo que alguém não repare muito em livros, devagarinho, entre casinhas de brincar e puzzles, pode começar a reparar. No fim, a biblioteca “é gira”, “muito divertida” e todos os meninos disseram que voltavam, com as professoras ou com os pais. Esperamos que sim.

O livro convida à hora do conto de fevereiro
24-01-2018 Fonte: CMA
« Voltar
 Sub-Navegação
Categorias:
› Todas
› Juntas de Freguesia
› Segurança e Proteção Civil
› Obras Municipais
› Ação Social
› Educação e Ensino
› Ambiente
› Desporto, Recreio e Tempos Livres
› Saúde
› Agricultura
› Juventude
› Atividades Económicas
› Cultura
› Urbanismo
2006 - 2018 © Câmara Municipal de Alenquer - Todos os Direitos Reservados

Projecto Co-Financiado  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associação de Municípios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informação