22 de Maio de 2019
Pesquisar
Alertas SMS
Subscreva o serviço gratuito
Detalhe da Notícia
Quinta-feira da Espiga recriada em passeio campestre
Participação de 40 pessoas
No feriado municipal de 29 de maio, um grupo de 40 pessoas aderiu à ideia da Biblioteca Municipal de Alenquer de recriar a tradição de colher um ramo de espigas de trigo.

A partida para um passeio campestre aconteceu de manhã. Pais e filhos entre os vários participantes, muitos deles vestidos à época, iniciaram a caminhada junto à Biblioteca Municipal de Alenquer rumo à Mata do Areal. Lá colheram o ramo e fizeram um piquenique à hora do almoço.

Em terras de Alenquer, era tradicional colher-se um ramo. Este era composto por espigas de trigo (ou de outros cereais) que significava o pão (para nunca faltar comida); um raminho de oliveira, que simboliza o azeite e a luz divina; por papoilas, que significam saúde; malmequeres amarelos, que simbolizam ouro e dinheiro e malmequeres brancos a paz.

Mais informações sobre a tradição da Quinta-feira da Espiga aqui
04-06-2014 Fonte: CMA
« Voltar
 Sub-Navegação
Categorias:
› Todas
› Juntas de Freguesia
› Segurança e Proteção Civil
› Obras Municipais
› Ação Social
› Educação e Ensino
› Ambiente
› Desporto, Recreio e Tempos Livres
› Saúde
› Agricultura
› Juventude
› Atividades Económicas
› Cultura
› Urbanismo
2006 - 2019 © Câmara Municipal de Alenquer - Todos os Direitos Reservados

Projecto Co-Financiado  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associação de Municípios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informação