18 de Abril de 2021
Pesquisar
Alertas SMS
Subscreva o serviço gratuito
Detalhe da Notícia
Construção do Destacamento Territorial da GNR decorre a bom ritmo
Obra teve início há um ano e a data foi assinalada com uma visita do presidente do município
A 16 de março último, cumpriu-se um ano sobre o início da construção do novo Destacamento Territorial da GNR de Alenquer e para assinalar a data o presidente do município, Pedro Folgado, efetuou uma visita ao estaleiro de obras.

Acompanhado pelo adjunto Tiago Pedro, por Pedro Almeida da SECAL, Paula Casseight da ARPT e António Duarte responsável do município pelo acompanhamento da obra, Pedro Folgado manifestou-se satisfeito com o andamento dos trabalhos, apesar de algumas paragens devido à pandemia da Covid-19.

“O início da obra coincidiu precisamente com o primeiro confinamento, o que obviamente nos causou alguma apreensão. O prazo inicial de construção era de 18 meses, foi revisto recentemente para os 21 meses, pelo que sem outros contratempos deverá estar concluída no próximo mês de novembro”, esclareceu.

“De resto a prioridade serão sempre os trabalhadores e o cumprimento rigoroso de todas as normas de segurança”, acrescentou.

Concluídos todos os trabalhos de alvenaria (paredes exteriores e interiores), assim como toda a parte estrutural do edifício, encontram-se atualmente em execução as instalações técnicas, nomeadamente instalação elétrica, telecomunicações, redes hidráulicas, ar condicionado e ventilações.

O novo Destacamento Territorial situa-se entre as vilas de Alenquer e Carregado, num terreno cedido pelo município e representa um investimento de cerca de 1 milhão e 400 mil euros.

Apesar de ser financiado pelo ministério da Administração Interna, no protocolo o município assume-se como responsável pela execução da obra.

O novo edifício é constituído por rés do chão e primeiro andar, sendo que no piso inferior se vão localizar os serviços, nomeadamente área de atendimento, secretaria, gabinetes, salas de detenção, cozinha, refeitório e balneários. No piso superior vão ficar localizados os quartos para os militares em serviço.

O projeto inclui ainda a construção de dois edifícios destinados a garagem e anexos, numa área total de 950 metros quadrados.

O atual Destacamento Territorial situa-se na antiga cadeia da comarca na vila Alta de Alenquer, um edifício com problemas estruturais graves, nomeadamente infiltrações, fissuras nas paredes exteriores e interiores e humidade. Está ainda subdimensionado e desajustado ao que são as necessidades atuais de serviço.

“Desde o primeiro mandato deste executivo que assumimos como prioridade a construção de um novo quartel para a GNR, que assegurasse as melhores condições para o desempenho das suas funções”, salientou Pedro Folgado.

“O facto de estar localizado entre Alenquer e Carregado, com boas acessibilidades, dá-nos também a garantia de que a segurança dos munícipes sairá reforçada, pelo que aguardamos com grande expectativa a inauguração desta obra”, acrescentou.

O Destacamento Territorial de Alenquer é responsável pelos Postos de Alenquer, Merceana, Azambuja e Cadaval e conta com um efetivo de aproximadamente 50 militares.
23-03-2021 Fonte: CMA
« Voltar
 Sub-Navegação
Categorias:
› Todas
› Juntas de Freguesia
› Segurança e Proteção Civil
› Obras Municipais
› Ação Social
› Educação e Ensino
› Ambiente
› Desporto, Recreio e Tempos Livres
› Saúde
› Agricultura
› Juventude
› Atividades Económicas
› Cultura
› Urbanismo
2006 - 2021 © Câmara Municipal de Alenquer - Todos os Direitos Reservados

Projecto Co-Financiado  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associação de Municípios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informação